tipos de aparelho ortodôntico tipos de aparelho ortodôntico

Conheça os 8 principais tipos de aparelhos ortodônticos e para que serve cada um

6 minutos para ler

Muitas pessoas querem colocar aparelho ortodôntico para ter os dentes alinhados e um sorriso perfeito. Porém, nem sempre a questão estética é o único motivo para ele ser usado. Quando se realiza um tratamento odontológico, a parte funcional é um fator muito importante e analisado pelos dentistas.

Por isso, existem diferentes tipos de aparelho ortodôntico para serem usados nas mais diversas situações. Alguns hábitos de infância, como sucção de dedo e chupeta, podem levar a necessidade de fazer esse tratamento. Mas existem outras ocasiões em que ele é indicado, como correção de apinhamento dentário, tracionamento de dentes, mordida profunda, diastemas, cruzada anterior e posterior e quando há presença de menos elementos dentários.

Neste post, vamos abordar sobre a importância de conhecer os diferentes tipos de aparelhos ortodônticos, para que serve cada um deles e suas características. Confira e boa leitura!

A importância de conhecer os tipos de aparelho ortodônticos

Com o avanço da tecnologia, os modelos de aparelhos ortodônticos também evoluíram. Os mais modernos permitem que se coloque cores e adornos, facilitando a adesão dos usuários.

Cada caso clínico será analisado pelo dentista, mas é importante que o paciente conheça os diversos tipos de aparelhos ortodônticos para entender que cada um tem uma finalidade e o custo apropriado para todos os perfis.

Os tipos de aparelho ortodôntico

Dos metálicos, passando pelos coloridos e transparentes, os aparelhos ortodônticos estão cada dia mais modernos e personalizados. Existem diversos tipos, com tamanhos e cores diferentes, para cada situação. Veja quais são eles.

1. Aparelho fixo metálico

Esse é o tipo de aparelho ortodôntico mais conhecido e tem como objetivo fazer com que os dentes sejam, gradualmente, puxados em direção à posição alinhada e correta. Ele é composto por fios, bandas, bráquetes e borrachinhas, que podem ser coloridas ou transparentes.

O aparelho fixo oferece resultados bastante satisfatórios e é indicado para quase todos os tipos de desalinhamento dentário. A higienização merece atenção especial para evitar o desenvolvimento de gengivites e cáries. Esse aparelho exige manutenção periódica, o que pode causar certa sensibilidade para o paciente.

2. Aparelho fixo estético

Os aparelhos fixos estéticos são feitos com bráquetes transparentes, fazendo desse modelo mais favorável, já que o acessório se torna quase imperceptível, principalmente de longe. Devido a essa apresentação discreta, ele é um dos modelos mais conhecidos e muito usado pelos adultos. Veja alguns materiais do aparelho fixo estético:

  • policarbonato: é feito com resina plástica, tem bráquetes maiores, se comparado aos outros modelos, e é menos resistente. Assim como o fixo metálico, esse tipo também faz uso das borrachinhas, que podem ser brancas, oferecendo mais discrição;
  • porcelana: de cor branca e leitosa, seus bráquetes são menores e mais resistentes que o modelo de policarbonato. Esse tipo faz uso das borrachinhas e tem custo mais alto que o policarbonato. A principal vantagem desse tipo de aparelho é que suas peças não mudam de cor com o passar do tempo;
  • safira: é o mais caro, porém, de mais fácil limpeza e o mais discreto. Suas peças se assemelham a vidro porque são confeccionadas com porcelana monocristalina e se tornam quase imperceptíveis nos dentes.

3. Aparelho autoligado

O aparelho autoligado também é feito de metal, porém, não precisa das borrachinhas. Nesse modelo, o fio ortodôntico é preso diretamente no bráquete, ficando mais confortável e discreto para o paciente.

Uma das vantagens desse modelo é o resultado mais efetivo, tornado o tratamento mais rápido. Outro atrativo do aparelho autoligado é que existe na versão de safira e de porcelana.

4. Aparelho lingual

Também chamado de aparelho invisível, o lingual é igual ao modelo fixo convencional, portanto, confeccionado com material metálico, bráquetes, fios e borrachinhas. A diferença é que ele é colocado do lado interno dos dentes, possibilitando que o paciente faça todo o tratamento sem mostrar que usa aparelho.

O modelo lingual corrige diversos problemas dentários, mas exige uma higienização mais complexa. Ele é mais recomendado para pessoas que praticam esportes de impacto, como luta e futebol, diminuindo os riscos de lesão em casos de pancada.

5. Alinhadores transparentes

tipos de aparelho ortodôntico

Esse é o tipo de aparelho mais moderno que tem no mercado ortodôntico. Isso porque eles são confeccionados com ajuda de tecnologias específicas, sob medida e de acordo com a arcada dentária de cada pacientes.

Assim, os alinhadores transparentes se encaixam com perfeição na boca, tornando-se práticos e imperceptíveis. A troca dos alinhadores, responsáveis pela movimentação dos dentes, é feita em casa e de acordo com as orientações do dentista. Portanto, não é necessário que o paciente vá com frequência ao consultório.

Além disso, esse modelo é removível e precisa ser tirado na hora das refeições. O alinhador transparente é recomendado para casos mais simples de desalinhamento dentário e, apesar de ser mais caro, por ser muito confortável, o investimento vale a pena.

6. Expansor palatino

O expansor palatino é um modelo pouco conhecido e usado para aumentar o tamanho do palato (céu da boca) e corrigir a mordida do paciente. Esse modelo é mais indicado para crianças, sendo que pessoas adultas também podem usá-lo, mas com a ressalva de que talvez haja a necessidade de intervenção cirúrgica.

7. Aparelho móvel

O aparelho móvel é bastante usado quando o paciente está terminando o tratamento dentário. Depois de muitos meses utilizando o modelo fixo, usa-se o aparelho móvel para manter e garantir os resultados alcançados.

8. Aparelho extrabucal

O modelo extrabucal é o menos discreto em comparação com os outros tipos de aparelhos. Apesar da questão estética, o uso dele é fundamental para, em muitos casos, diminuir as chances de extrações de dentes ou procedimentos cirúrgicos. São muito usados nos pacientes em fase de crescimento com objetivo de moldar o desenvolvimento ósseo.

A busca por ajuda profissional

Nem sempre é o paciente que escolhe o tipo de aparelho a ser usado. Cada modelo é indicado para uma situação e quem definirá o melhor é o dentista popular.

A partir de exames, esse profissional é capaz de definir o melhor e mais eficiente tratamento ortodôntico. Por isso, é importante buscar ajuda com o especialista para entender suas necessidades e as opções para a correção dentária.

O uso dos diferentes tipos de aparelho ortodôntico impacta diretamente a autoestima e, em muitos casos, é uma forma de melhorar a mastigação e a respiração, favorecendo a qualidade de vida do paciente. Para escolher o melhor modelo, faça uma visita ao dentista e estude as possibilidades.

O AmorSaúde é a maior clínica popular do Brasil. Entre em contato com a nossa equipe e encontre os melhores dentistas!

Posts relacionados

Deixe um comentário