Quando levar meu filho na primeira visita ao dentista?

6 minutos para ler

As famílias estão acostumadas com as consultas regulares ao pediatra, a fim de avaliar o estado de saúde geral da criança, seu crescimento e desenvolvimento. Mas e em relação à saúde bucal? Você sabe quando deve começar esse acompanhamento?

A primeira visita ao dentista do seu filho deve ocorrer o quanto antes, para que ele cresça com dentes saudáveis e já comece a adquirir bons hábitos de higienização bucal e prevenção.

Para tirar as dúvidas dos pais quanto a essa questão, desenvolvemos este post. Continue a leitura e descubra o momento de levar a criança pela primeira vez ao dentista, como é essa consulta e a importância da família na criação de bons hábitos de saúde bucal!

Quando deve ser a primeira visita ao dentista?

A recomendação é que os pais levem o filho ainda bebê, antes mesmo do nascimento do primeiro dente, ao odontopediatra. Nessa fase, o especialista faz uma avaliação da língua e gengivas, verifica se há doenças ou malformações e se está tudo certo para a chegada dos dentes de leite.

No entanto, sabemos que é mais difícil para as famílias levar a criança tão pequena para essa consulta. O importante é não adiar esse momento: procure levá-la antes dos 2 anos, para que o dentista acompanhe o desenvolvimento da dentição e, principalmente, para que ela vá se acostumando com essa simples ação de prevenção.

Como é e o que é feito nessa consulta?

Muitos pais, devido a alguma experiência ruim em sua infância ou adolescência, ficam receosos com a primeira visita ao dentista de seus filhos. Ainda existe, para muitas pessoas, aquela ideia do medo de se sentar na cadeira do consultório e o pavor de ouvir o motorzinho.

Mas saiba que isso é coisa do passado. Atualmente, existem técnicas voltadas para o conforto do paciente.

Profissional especializado

Em primeiro lugar, o pequeno não será atendido por um profissional qualquer: receberá os cuidados do odontopediatra, especializado no diagnóstico, prevenção e tratamento de problemas de saúde bucal de crianças e adolescentes.

É um dentista preparado para atender esse público de modo que ele fique seguro e tranquilo. Assim, a criança recebe um atendimento humanizado, para que se sinta acolhida e não tenha medo da consulta.

Para distrair os pequenos, muitos profissionais se valem de meios lúdicos, como o uso de bonecos, fantoches e músicas, fazendo com que o atendimento seja sinônimo de diversão. Em muitos consultórios, inclusive, o próprio ambiente já é preparado para atender as crianças, com brinquedos e outros atrativos para que elas se sintam bem nessa consulta.

Orientação aos pais

Além dos cuidados da criança, o profissional vai orientar os pais quanto à melhor forma de fazer a limpeza bucal, como a frequência da escovação e os tipos de escova e creme dental ideais para cada faixa etária.

O dentista também dá orientações em relação aos cuidados que é preciso ter com a alimentação para evitar cáries e outros problemas. Os pais são instruídos, ainda, sobre como agir no momento em que os primeiros dentes de leite caírem.

Mamadeira e chupeta

Em relação a bebês e crianças que usam mamadeira, por exemplo, o especialista alerta sobre a importância de manter os dentes limpos antes de dormir. Isso, porque um problema muito comum é a chamada cárie de mamadeira, decorrente do hábito das crianças de dormir após tomar o leite, sem passar pela limpeza bucal.

No caso da chupeta, o profissional também mostra os perigos não só de problemas de saúde bucal, mas também de prejuízos ao desenvolvimento orofacial dos pequenos. Assim, os pais ficam conscientes e descobrem a importância de limitar seu uso, bem como de buscar formas de retirar, o mais rapidamente possível, esse hábito dos filhos.

De quanto em quanto tempo a criança deve fazer o check-up odontológico?

Após a primeira visita ao dentista, o ideal é que esse acompanhamento seja feito a cada 6 meses. Dessa forma, os hábitos de prevenção tornam-se algo corriqueiro para a criança.

Com as consultas regulares, caso haja algum problema de saúde bucal, certamente, estará no início, tornando o tratamento muito mais simples.

Sem contar que, no check-up odontológico, o especialista faz a profilaxia, que é aquela limpeza mais completa, e a aplicação do flúor, mineral que protege os dentes das bactérias que causam as cáries.

Aliás, falando em cáries, para crianças com risco maior para esse problema, o ideal é que as consultas ocorram a cada 4 meses.

Qual o papel dos pais nos bons hábitos de saúde bucal dos filhos?

É fundamental que os pais tenham a preocupação de cuidar da saúde bucal dos seus filhos desde cedo. Existe um mito de que não é preciso dar muita atenção aos dentes de leite, pois eles vão cair. Contudo, isso é um grande erro. Quando a dentição de leite cresce com problemas, ela vai trazer danos aos dentes permanentes.

Dessa forma, é papel da família se programar para fazer a primeira visita ao dentista das crianças e seguir todas as orientações de saúde bucal.

Escovação divertida

Para os menores, é necessário que os pais auxiliem na escovação, com o cuidado de limpar todos os dentinhos e também passar fio dental, pelo menos, uma vez ao dia.

A recomendação é fazer a higienização bucal após as refeições e, principalmente, antes de dormir. Para tornar esse momento mais lúdico, você pode comprar escovas e pastas coloridas e de personagens, para que seu filho adquira prazer na hora de cuidar do sorriso.

Alimentação saudável

Outra questão é oferecer refeições mais saudáveis às crianças, limitando o consumo de doces e carboidratos (como pães e massas), que são os grandes vilões para o surgimento das cáries e também contribuem para a obesidade infantil.

Agora você já sabe que não há razão para adiar a primeira visita ao dentista do seu filho. Realizando esse acompanhamento, ele cresce ciente da importância da prevenção e mantém os bons hábitos inclusive na vida adulta.

Quer marcar a consulta do seu filho ao dentista com uma equipe treinada para oferecer um atendimento diferenciado? Então, faça o agendamento na clínica do AmorSaúde mais perto de você!

Posts relacionados

Deixe um comentário