banner_blog_abril
saude mental infantil saude mental infantil

Como cuidar da saúde mental infantil? Confira!

4 minutos para ler

O termo saúde mental está em pauta há alguns anos e, ainda mais, no período de pandemia de Covid-19. Todas as mudanças — sociais, profissionais e familiares — acarretam em questões emocionais que, se não tratadas, podem se transformar em problemas futuros.

A infância é uma fase, talvez mais do que todas as outras, em que a saúde mental deve ser colocada como prioridade, pois todos os impactos psicológicos vão afetar as crianças em formação. Assim, saber lidar e cuidar da saúde mental infantil é dever dos familiares e educadores, pois todos têm responsabilidades perante esse desenvolvimento psicológico.

Os acontecimentos, por menor que sejam, impactam diretamente o entendimento da criança sobre o mundo e sobre si mesma. Por isso, abordaremos como cuidar da saúde mental infantil para que a criança não tenha dificuldades futuras em relação às suas questões emocionais.

Quando se preocupar com a saúde mental na infância?

Para que a criança cresça de forma saudável, os responsáveis devem sempre ficar atentos ao desenvolvimento e às mudanças durante seu crescimento. É importante entender que ela tem sua própria individualidade, seus desejos e personalidade. Não há uma fórmula pronta — embora seja muito cobiçada — de educar uma criança. Conhecê-la e respeitá-la é fundamental para que o cuidado seja pleno e verdadeiro.

Você deve se preocupar e voltar sua atenção às mudanças de humor e, mais ainda, como a criança lida com elas. Medo do escuro ou de dormir sozinha, estresses constantes, desânimo e tristeza, agressividade, falta de energia para realizar as tarefas cotidianas e outros sintomas aparecem como resposta a questões que devem ser cuidadas de perto.

A pandemia de Covid-19 intensificou problemas de saúde mental — tanto para crianças quanto para adultos. Então, qualquer sintoma deve ser levado a sério.

saude mental crianças

Como promover a segurança e manter a saúde mental infantil?

O melhor jeito de lidar com a saúde mental é zelar por um ambiente acolhedor e aberto à escuta. Aqui, pontuaremos algumas questões práticas que podem ser adotadas para que a criança tenha um desenvolvimento positivo.

Seja exemplo

As crianças aprendem a grande maioria das coisas por meio da observação. Então, antes de apontar dedos e tentar procurar os defeitos de seu filho, busque e entenda as formas como você age diante de momentos estressantes ou complicados. A criança tende a imitar os responsáveis e, caso tenham bons exemplos, lidarão melhor com as questões do dia a dia.

Ensine a criança a falar e a lidar com os sentimentos

Muitas pessoas aprendem a guardar os sentimentos para si e acabam “explodindo” internamente. Ensinar a criança a se expressar e lidar com sentimentos bons e ruins, mostrando a ela que são naturais e fazem parte do ser humano, é uma forma de incentivá-la a pedir ajuda quando se sentir triste ou raivosa, por exemplo.

Resolva conflitos e mostre caminhos para a criança

Os conflitos, geralmente, são estressantes e tiram até os adultos do eixo. Ensinar para as crianças que o diálogo é a melhor maneira de chegar em um acordo pode acalmá-la e incentivá-la a, das próximas vezes, tentar resolver conflitos sozinha e com base em conversas.

Seja verdadeiro e siga os combinados

As crianças levam todas as conversas a sério. Não mude o combinado, seja organizado com a criança e explique como você lida com questões rotineiras. Crianças são inteligentes e prestam muita atenção a tudo que acontece a sua volta. Assim, ela entenderá que você é coerente e capaz de cumprir o que promete.

A saúde mental infantil precisa ser prioridade na hora de criar e educar uma criança. Ouvi-la ter disposição para acolhê-la é uma das partes mais importantes do processo. Só assim ela crescerá e poderá ser um adulto pronto para encarar o mundo com mais presença e afeto.

Gostou das dicas e gostaria de receber mais conteúdos como este no seu e-mail? Assine nossa newsletter e conheça mais do nosso trabalho!

A AmorSaúde é a rede de clínicas populares que mais cresce no Brasil, oferecendo diversas especialidades como cardiologia, oftalmologia, odontologia e ginecologia.

Se você gostou deste conteúdo e deseja investir mais na sua saúde, agende já sua consulta conosco!

Posts relacionados

Deixe um comentário